A gente vai mesmo futilizar desse tanto????

A mídia, a massa, a intelectualidade, a pseudo intelectualidade são assuntos tão batidos e tão discutidos… Por uma minoria. A grande maioria parece nem sequer estar afim disso. A exploração em cima da imagem de uma pessoa, de um produto ou de um comportamento é tão torpe e tão nojento  que nem o facebook está escapando.

Pelo mundo inteiro, a humanidade parece querer futilizar tudo. Salvo raríssimas exceções, vomitam na gente toda a sorte de porcaria que se pode imaginar.

A começar:

Que o cara ainda cante essa “música” (rsrsrs) tudo bem… mas a Época (revista conhecida no Brasil) me ponha uma capa dessas? É de se perder o respeito. “traduz os valores da cultura popular para os brasileiros…” ?????????????????

No Brasil é normal você colocar todo mundo no mesmo saco… Criaram:

-Cotas para alunos de escolas publicas, negros, pardos e indígenas.

Mas não criaram cotas para alunos que estudaram em escolas particulares graças ao esforço quadriplicado de uma mãe divorciada criando dois ou tres ou mais filhos sozinha.

Não criaram cotas para alunos de escolas particulares que eram filhos de funcionários da escola e que muitas vezes passaram por essas ou piores dificuldades, pois muitas escolas particulares são piores que publicas.

Mas ninguém deu desconto nos impostos porque o individuo estuda em escola priavada e não na pública, pelo contrário, os impostos estão embutidos nas mensalidades!

Mas o que isso tem a ver com Michel Teló? Época e etc?

Tudo a ver… é essa cultura que nós temos? Vamos continuar consumindo isso? Deixando passar barbáries na esfera da politica nacional? Cadê os assuntos pertinentes?

Se o Michel Teló ta bem de vida por causa de algumas palavras combinadas com uma “musica” e que a isso chamaram de sucesso, imagina ele:

De repente esse cara aparece até cantando no show da virada… você liga a televisão e lá esta ele, só se fala nisso, só se cultua isso pela mídia e ainda ficamos bravos quando alguém insulta nossa gente. A mídia mostra o que o povo se mostra disposto a comprar.

A gente ta la ralando, estudando, sofrendo para arranjar um lugar ao sol e esses caras andando de hiate, cagando e andando para Santos, Corinthians, seleção Brasileira e etc… e ainda recebendo muita grana para cada aparição….

E por quê?

Pois o povo consome esse LIXO.

O policial militar que se corrompe por causa de droga é chamado de corrupto… mas se ele não se corromper, ele morre, ou a familia dele morre, ou ele é obrigado a conviver com o salário de merda que ele ganha e ainda defender a nação e o princípio da ética e do profissionalismo!!!! Sorte dele se não precisar se corromper ou ter que aguentar universitário brigando contra governantes… governantes esses que …. o povo ELEGEU!

Mas o Adriano tem uma arma no seu carro, e a discussão foi:

– Quem disparou a arma na mão daquela mulher?

Eu gostaria de perguntar: Por que CACETE um jogador que já foi até preso por envolvimento com traficante, teria uma arma no carro????????

Porra!!!!!

E eu aqui, ao lado de vários vestibulandos que lutam em um sistema que oferece vagas em universidades Federais (muitas estão mal, bem mal das pernas) restritas e a gente discutindo de COPA DO MUNDO?

Discutindo de onde veio o tiro?

Se o Neymar engravidou uma ou duas?

Se Rafinha Bastos vai fazer novo programa ou não?

Veja o destaque dado a coisas inúteis perante a algo sério:

Tela da pagina inicial do UOL do dia 4 de Janeiro de 2011

BBB 2012????

Quem sai e quem fica? Quem leva a grana para casa ??

E vamos gastar energia e horas de sono com isso…. para ter assunto no dia seguinte… QUE BOSTA!

Sinceramente… vejo mesmo que a virada do ano é mesmo apenas uma mudança de data para você comprar uma agenda nova, mudar a folhinha do calendário da mesa de onde você trabalha, isso é… se você tiver uma mesa. Provavelmente essa mesa ta servindo de suporte para uma televisão onde esses caras vão estar transmitindo toda essa merda!

Pedro Bial que me desculpe, ele ta certo enriquecendo como nunca, mas virou uma piada nessas chamadas de BBB… Vai dar uma espiadinha na casa do C…….. e entenda esse C COMO quiser!

Sinceramente é deprimente pensar nisso…

Vou fazer assim, não vou pensar não…

Vou la tentar compor uma “música” e ser FODÃO… ou então mostrar “talento” com a bola no pé… Mas eu queria ver um desses de fato falar alguma coisa que preste ou então abrir um pouco o bolso para construir escolas, hospitais, abrigos, criar empregos, enfim… fazer alguma coisa que seja sustentável…

Abraço.

 

Anúncios

Sobre Bruno Oliveira

Aspirante ao curso de Medicina Ver todos os artigos de Bruno Oliveira

11 respostas para “A gente vai mesmo futilizar desse tanto????

  • Manoela

    E depois o povo ainda quer reclamar dos políticos que são corruptos são aquilo isso … E aceita que BBB e Neybosta e Michel Telinha tomem lugar de informações importantes.Bom é a velha política do pão e circo,distrai o povo para não deixar ver o que realmente importa…

  • Manoela

    Esqueci de comenta.E pergunte à 100 pessoas se já ouviram falar em Amor e Revolução,se 5 já é muito..Uma novela do SBT que conta a historia da ditadura militar.Uma emissora que resolve fazer alguma coisa que presta…Ela começa umas 11 da noite,ficar acordado pra assistir BBB todo mundo fica,agora para assistir algo que pelo menos trás alguma cultura ninguém quer,aliás nem ouviram falar…
    È melhor não pensar mesmo…

  • Matheus Farizatto

    A Época realmente cagou na retranca. Até porque o leitor da revista não é o ouvinte do Teló – ex.: eu.

    Mas o pedestal dado ao “cantor” ou ao “novo fenômeno do futebol” é reflexo do gosto da maioria da população brasileira. Infelizmente.

    Bom texto, Bruno. Abraço.

    Matheus

  • marcella

    Na, boa,isso mais parece uma rebeldia sem causa..
    Cada um pode fazer ou tentar fazer a sua parte pra mudar o que agrada à cultura popular e fazer com que todo mundo goste de cultura erudita….ao invés de apenas reparar nos defeitos dos outros, ou nesse caso, invejar o sucesso dos outros.
    Seja com uma musica com refrao de 5 palavras, seja com o futebol que é super valorizado nesse país…
    agora francamente, pra quem ta achando que a epoca perde seu respeito e prestigio por causa da frase na capa “traduz os valores da cultura popular para os brasileiros de todas as classes…” É PORQUE NAO LEU DIREITO E NÃO SOUBE INTERPRETÁ-LA.
    A frase quis dizer que a musica – ASSUMIDAMENTE DE CLASSE POPULAR – estava sendo “mostrada”, “levada” , “APRESENTADA” às outras classes brasileiras, e nao colocada como cultura brasileira e ponto, misturando td no mesmo saco de farinha.
    Tudo bem faltar à aula de interpretação de texto, afinal, o ensino brasileiro não é referência. Mas quem fala o que quer, tem que pelo menos saber O QUÊ fala, e SOBRE O QUÊ fala.
    Porque falar, até papagaio fala né….

    • Bruno Oliveira

      Tem mais alguém que não foi na dita aula de interpretação de texto.
      “traduz os valores da cultura popular para os brasileiros de todas as classes…”

      Se algo traduz os valores da cultura popular para TODAS AS CLASSES então: “estava sendo “mostrada”, “levada” , “APRESENTADA” às outras classes brasileiras, e nao colocada como cultura brasileira e ponto, misturando td no mesmo saco de farinha.”

      Faz algum sentido?

      Além de faltar a aula de interpretação de texto, ta tendo dificuldades em expressar o que quer dizer.
      Marcella, achei super válido sua crítica.
      Invejo mesmo o suscesso dos outros!!! Eu queria ser como eles… ganhar dinheiro em cima de um monte de babaquice… espero mesmo que os outros profissionais que “também invejariam” não trabalhar tanto e ganhar pouco resolvam “traduzir valores” para quem quer que seja.

      É rebeldia sim… com causa ou sem causa é o meu direito de expressar minha opinião.
      Agora faz assim… antes de ficar falando que alguém não sabe o sobre o quê está falando, crie um texto com seu ponto de vista, e mostra pra mim que eu to errado no que “papaguiei” no meu texto. Ahhh e faz melhor ainda… leia a dita reportagem e defenda o prestigio da Época!!

      Abraço

  • Melina

    Meu Deus… por que será que o Michel Teló incomoda tanto assim? Por que será que o Neymar incomoda tanto assim? Por que será que tantos assuntos foram misturados nesse pseudo-crítica até que ela perdesse o foco? Sinceramente, eu li e nem sei do que exatamente vc está reclamando, criticando. Me parece que vc ficou tãããõ preocupado em mostrar seus dotes de pseudo-crítico, que esqueceu de analisar todos esses assuntos a partir de uma visão mais ampla, mais madura, e menos apaixonada, menos “inflamada” das coisas.

    Reclamou da Época que colocou “todo mundo no mesmo saco” mas fez o mesmo ao atribuir a todos os seus exemplos a condição de LIXO, e pior, só porque vc não é leitor da revista e não ouve Michel Teló, não quer dizer que os outros não façam né.

    Até porque, não se pode levar tudo a ferro e fogo. Eu por exemplo, leio o que me cai na mão, o que me interessa, e não só as revistinhas que me façam sentir membro da “elite pensante”. Eu vivo num país miscigenadééérrimo, com culturas tão diferentes que talvez eu não tenha tempo nem dinheiro para conhecê-las de perto… E que mal há em de vez em quando ouvir uma música cuja origem seja de uma dessas culturas…?!

    Que mal há em ir para a Bahia e ouvir, dançar, curtir, se impregnar de axé, forró, por exemplo? Não é a minha cultura, mas é a cultura de brasileiros como eu, de parte minha que eu não conheço mas reconheço como minha, e RESPEITO COMO MINHA também!!!! Mesmo que depois, voltando para casa, eu não aguente mais aquele ritmo e aquela música, e não compre os cds…

    Que mal há em se ouvir a música num churrasco, por exemplo? Só por isso eu estaria consumindo lixo??? Não acha exagero?
    Ou num churrasco, com a familia ou amigos, vc costuma ouvir Bach, Vivaldi, Tchaicovski.. ou… talvez… canto gregoriano? Nada contra, muito pelo contrário…EU AMOOOO CANTO GREGORIANO. Mas isso não me impede de curtir SIM o balanço da música do Michel Teló ou qualquer outro daqueles hits que a gnt mal sabe a letra, mas se vê batucando a mão ou os pé sem pensar, sem querer… como se fosse um ato reflexo. Por que o corpo humano é isso, sabe. Ato reflexo. É normal… rs

    Ou o problema é que o tal Michel Teló esteja fazendo taaaanto sucesso? E que o Neymar esteja fazendo taaaanto sucesso? Ah, vc esqueceu tecer suas críticas mui intelectuais contra o Luan Santana! Todos eles, com talento ou não ganham lá seus milhões mensais enquanto a maioria da população brasileira dá um duro da-na-do p/ pagar a prestação do carro, pagar o cursinho do filho, pagar a geladeira nova, pagar a viagem de férias… Mas… fazer o que??! Mas fazer o que? Por acaso foi o Brasil que inventou, por exemplo, que o futebol sairia da categoria de esporte/lazer para se tornar um mega negócio?????? Nãooooo meu filho, a culpa não é do Brasil.
    E se o Neymar deu para aparecer com tanta frequência na TV, cantando ou fazendo qualquer outra coisa que não o futebol, é porque talvez seja agradável cultuar um craque ou uma celebridade enquanto ela está viva, e não só depois que ela resolve morrer… Que mal tem???

    E nem estou defendendo ninguém, não entendo de futebol, muito menos da nova modinha de Neymar… e do Michel Teló menos ainda, até porque prefiro a tão criticada música na versão original… tem mais raiz.

    O Brasil é um país cheio de problemas, de todas as ordens e dimensões. E tem os crônicos também. Tem muita gente para apontar os problemas, e pouca gente disposta a dar solução. Portanto, o que o Brasil menos precisa é de gente que crie novos problemas, que veja problemas onde não existe, que negue as variações da própria cultura, que não respeite essas variações, que faça críticas pelo simples hábito de reclamar.

    Bom 2012 para vc!

    • maysasantos

      Karaka deu preguiça mas, eu terminei de ler seu comentário… bem agora já nem sei se consigo responder a tudo que vc falou mas vamos lá.
      por que será que o Michel Teló incomoda tanto assim? Por que será que o Neymar incomoda tanto assim? Particularmente não me incomodo com o Michel apesar de gostar mais dele quando ainda era do tradição, ele tinha mais estilo. Agora o Neymar deveria estar incomodando todo mundo PQP o cara não joga e nem é uma beldade pra todo mundo estar ovacionando ele assim.

      Ok ía destrinchar seu comentário só que deu fome. rs vou apenas dizer: Compreendi que o Bruno está criticando e com toda razão a época ou qualquer outra mídia que ao invés de estar preocupada com o que anda acontecendo de verdade no país, da destaque para uma matéria dessa. e outra, quando vi aquela capa, poxa vida! fiquei envergonhada, pq eu me pergunto “traduz os valores da cultura popular” como assim? Para mim popular é o que é comum a todo brasileiro, tentei definir onde está os valores nessa musica, então quer dizer que só isso define os valores da cultura? ahhh me poupe é como dizer que no brasil mulher é tudo funkeira que gosta de ser chamada de cachorra. Que a musica é boa e fica na cabeça da gente como um jingle que fica repetindo e repetindo tudo bem, mas daí a dizer que traduz os valores é chamar o popular, como sempre, de burro que engole qualquer coisa e pra mim aí vai outra sátira. é necessário analisar tudo antes de apenas defender, seja mais crítica e comece a perceber as entre-linhas, pq com certeza não foi por um mero erro que eles jogaram essa matéria.

  • Melina

    Lá em cima ficou errado, escrevi não leitor, mas era para dizer leitor da revista e não goste da música… há outros erros também da falta de revisão. É que se eu reviso, acabo saindo do calor da discussão, desistindo e não postando… rs
    Mas pelo que entendi esse seu blog é justamente para não perder a discussão né?! t+

    • Bruno Oliveira

      Uaauuu adorei o apelido: Pseudo-crítico … e se vc acha que eu tenho dons para ser um bom pseudo-crítico rsrsrs fico honrado.
      Pq sou um pseudo-crítico, criticando uma pseudo-arte num país de pseudo-cultura.
      Ahhh e num mete o samba, forró e axé… até mesmo pq…
      samba de verdade não se faz mais..
      forró mesmo é raríssimo se ouvir um de qualidade…
      Axé eu digo o mesmo… viro uma mistura só axé-pop-romantica e etc.

      Não pseudo-critiquei estilos de musica e nem a cultura, apenas rebati o fato de terem colocado tudo no mesmo saco, como você disse… e também coloquei tudo no mesmo saco!!
      E deu certo…
      A pseudo-crítica nos honrou com seu texto. Aliás você viu que estamos procurando gente para escrever no blog?
      E sim, é justamente para não perder a discussão!! Uhuuuu Viva o debate e a seres pensantes!!
      Adorei te conhecer!
      Abraço e bom 2012!

  • André Nery

    Melina, gostei de você garota!

  • maysasantos

    Manoela eu sou uma das 5 que já ouviram falar, assisti um capitulo e nunca mais quis ver, achei de muito mau gosto! parece os jornais sensacionalistas que evito assistir, Infelizmente é duro admitir mas quase ninguém quer essa responsabilidade pra si, de ser sempre o ser humano pensante que quer resolver as coisas, é cansativo assistir o dia inteiro Jornal ou algum programa que fale da realidade, prefiro assistir boas propagandas o dia todo. O Problema é que hoje em dia a mídia faz tudo só para vender, sem responsabilidade alguma ou como eu venho dizendo isso deve ser um complô alienígena kkk Mas eu sou a mídia e um dia tudo isso vai mudar uhauahuahuah Concordo com o Bruno que há coisas muito mais importantes para se dizer e que a época realmente passou longe de acertar dessa vez.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: