Arquivo do autor:André Nery

Sobre André Nery

André Nery, formado em Publicidade e Propaganda com ênfase em Marketing pela Unaerp de Ribeirão Preto em 2009. A experiência que adquiri até o momento foi como Design, que embora aprecie muito, tenho afinidade, interesse e disponibilidade para atuar nas demais áreas da Publicidade.

Pensamos, pesamos, mudamos e evoluímos

Olá Leitores!

É com muito orgulho que anunciamos uma total mudança no nosso blog! Novos textos, novos autores,novas imagens! Confiram!

Anúncios

Joguinhos Vs Sedução

joguinhos sedução nao pense annoying woman mulher chata cu doce

Um dia estava discutindo com uma amiga sobre a atitude que as pessoas tomam quando estão afim de alguém ou quando sabem que alguém está afim dela. No meio da conversa ela soltou uma frase que me fez querer escrever esse texto, era mais ou menos assim: “Ah, mas as meninas mudam mesmo a forma de tratar um cara quando descobre que ele está afim, algumas vão tratar com indiferença, outras mesmo que interessadas farão joguinhos, é normal.”

Me peguei refletindo qual a real necessidade de tudo isso… porque na boa? Para mim, isso é coisa de colegial. Dar todos os sinais que está interessada e depois que você chama para sair muda totalmente de postura? Ah não dá….

Entendam bem, não estou falando de joguinhos de sedução, troca de olhares, mimos…. mas sim aquelas coisas infantis…Sabe?
Ficar de #mimimi, fazendo gracinha, indiretas nas redes sociais para causar ciúmes, não conversar direito, respostas monossílabas, ignorar sem propósito…..quando me deparo com uma menininha nesse nível (afinal mulher de verdade não age assim) eu chego a duas conclusões:

joguinhos sedução nao pense annoying woman mulher chata cu doce duas caras two

Ou esse é o jeito dela de se fazer de difícil (e mostrar que é infantil e não sabe muito bem o que quer da vida) ou pior ainda, não está interessada mas quer alguém ali para massagear o seu pequenino ego. Não sei qual das opções é pior.

Estou usando meus exemplos, mas sei que tem muito marmanjo que também faz isso… quem disse aquela maldita frase “tudo que é mais difícil é mais gostoso” com certeza não passou por isso.

Eu não entendo o por que de toda essa história mas acredito que a culpa é um pouco de todos nós, porque aturamos gente assim por medo de ficarmos sozinhos, por tesão ou por carência, sei lá! Se ao primeiro sinal de #mimimi a gente já mandasse um belo foda-se e partisse para outra, a vida seria muito mais fácil. Ultimamente ando colocando isso em prática e olha, nunca me senti melhor ;D

Conversando com outra amiga, ela me disse que isso pode ser insegurança também. Tudo bem, eu até entendo isso, mas ser inseguro não te dá o direito de tratar mau as pessoas certo? Afinal educação vem de berço.

Ao meu ver é mais fácil sempre mandar a real, suas verdadeiras intenções e pensamentos (sinceridade sempre). Tudo que é combinado não sai caro! Ninguém se machuca e todo mundo economiza tempo.

Se só tá afim de pegação, deixar isso claro, que não quer se envolver, que só quer curtir.

Se está disposto a algo mais sério, virar e dizer: Olha, eu conseguiria viver sem você e você sem mim, mas eu morro de curiosidade de saber como seria vivermos juntos, um completando a vida do outro. Sei também que em alguma hora, eu ou você , ou até os dois vão ficar malucos e iremos querer pular fora, mas se eu não te pedir AGORA para ser minha, sei que me arrependerei.
Não faço idéia onde tudo isso vai dar, mas quero muito descobrir. Vamos?

joguinhos sedução nao pense happy coupple casal felizEu sei que quando o assunto é relacionamento, não existe fórmulas prontas mas a sinceridade ajuda muito, seja qual for sua intenção com a outra pessoa.

Eu quero alguém que me ganhe nos detalhes. E que eu também a conquiste assim.
Nos conhecendo aos poucos, tanto nossas qualidades quanto nossos defeitos.
Mas como proceder com alguém que vive de joguinhos? Como saber qual é a atitude verdadeira e quais são as fórmulas prontas?

Seria como ter alguém pela metade… e vocês sabem né? De metade ninguém vive.

Beijo do gordo

Ps: Segue a baixo dois videos que ilustram um pouco o que eu estou dizendo.

Ps2: Só eu acho a menina do Casal Sem Vergonha simplesmente maravilhosa?rs


E agora José?

monique daniel bbb 12 e agora josé blog não pense

A notícia mais quente do momento rola solta, Monique, participante do Big Brother Brasil foi abusada sexualmente pelo participante Daniel enquanto ela dormia, após uma longa noite de bebedeira. O vídeo foi postado na internet e, com isso, muita gente teve acesso à cena em que é possível visualizar movimentos por debaixo do edredon, no entanto, Monique não se move em nenhum momento, sugerindo que ela estava realmente adormecida, enquanto Daniel “brincava” com ela.

Eu não assisto o BBB (e não me acho melhor por isso, eu só realmente não me interesso), mas essa notícia me chamou a atenção, principalmente pelos comentários que li no facebook, postados por pessoas do meu convívio social. Basicamente são comentários extremamente moralistas, machistas e algumas humorísticas.

Quero comentar algumas das quais me deixaram de queixo caído: “Acho que ela também deveria ser expulsa por ter bebido demais, ninguém mandou provocar”. Bom, vamos lá, eu concordo que é importante cuidarmos de nós mesmos, afinal, beber exageradamente pode levar a diversas tragédias como um acidente de carro, por exemplo, e usar uma roupa provocante pode vir a ser um fator de risco. Mas se uma mulher (ou um homem, por que não?) se encontra bêbada e/ou com uma mini-saia, isso dá o direito à outra pessoa de abusá-la sexualmente? Então, se um dia você ir a uma festa e acabar exagerando na bebida, um cara qualquer, um conhecido ou um amigo seu tem todo o direito de “brincar” sexualmente com você?

E por que ela deveria ser expulsa também? Que regra ela infringiu? Ela bebeu? E a rede globo colocou bebidas lá na festa para quê?… “Ah, mas ela bebeu demais”, se for por essa lógica, outros também beberam demais, então eles deveriam ser expulsos? E qualquer um poderia abusar dos participantes que beberam demais? ..E quem espera ser abusada sexualmente em rede nacional, com uma equipe da rede globo monitorando a casa 24 horas por dia?

Outro comentário: “Quando um cara bêbado fica com uma menina estranha não é estupro”. Confesso que de início não entendi, o que seria uma menina estranha? Prefiro imaginar que o autor dessa frase tenha colocado a polêmica para a questão do masculino, ou seja, quando é a mulher que abusa sexualmente um homem isso não é considerado estupro. Pois eu digo, se ele não estava consciente e se ele não consentiu, é estupro, é abuso sexual sim, por que não? Só por que ele é homem?

 e agora josé blog não pense big girls driking

Nossa sociedade machista não aceitaria bem essa situação, um cara que fosse abusado sexualmente enquanto estivesse inconsciente e reclamasse depois provavelmente seria taxado por muitos: “gay”, “bixa”. Mas a verdade é que sendo gay ou 100% hétero, um homem tem todo o direito de se recusar a ter relações sexuais.

Passemos agora para os comentários humorísticos, esses foram os que ao invés de me fazerem rir, por pouco não me fizeram chorar. Veja bem, eu não estou criticando aqueles que levam a vida de uma maneira leve e conseguem ver graça na vida mesmo diante de tantas tragédias e sofrimentos, pelo contrário, eu admiro muito os que conseguem passar mensagens sérias através do humor, da ironia, da brincadeira. No entanto, o que eu percebi foi que, nesse caso, muitas pessoas utilizaram o humor para não pensar e não discutir a respeito da problemática do estupro.

Entre várias piadinhas, comento especialmente uma: é uma imagem compartilhada por muitas pessoas do facebook em que há um homem de terno com uma câmera na mão dizendo: “Vamos parar de falar de estupro, agora vamos falar da tekpix”. Os que conhecem a propaganda da tekpix sabem o quanto aquilo é um pé no saco, é entediante, repetitivo, é chato. A mensagem que essa imagem trás é de que falar do que aconteceu recentemente no BBB, falar do estupro é repetitivo e chato, inclusive é mais repetitivo e chato do que o comercial da tekpix. E aí eu me pergunto, onde vamos parar com isso? Porque se não paramos para discutir seriamente sobre o assunto, como é que essa questão pode ser tratada?

Esses movimentos que eu citei, ao meu ver, de culpabilizar a mulher ou criar piadas sobre a situação, não só minimiza a responsabilidade de Daniel pelo ato e dá menos ênfase à sua ação, como também faz com que nós próprios não nos responsabilizemos pelo ocorrido. Isso mesmo, porque podemos até não ter estuprado ninguém, mas cabe a nós, cidadãos, pensar, refletir e agir em torno desse problema. Eu concordo que a TV Globo está errada, que deveriam ter impedido o Daniel naquele momento, que deveriam ter tomado providências logo de início. Contudo, milhões de brasileiros presenciaram a cena… e muitos criticaram a moça, muitos falaram mal do rapaz, muitos apedrejaram a rede Globo e poucos cogitaram: “será que isso não reflete o quem acontecido em nosso País?”. E acredito que poucos pensaram: “E o que eu posso fazer com relação à isso?”.

Acredite, criticar a rede globo ou apenas fazer piadas sobre o assunto não vai mudar muita coisa, mas é..pode fazer com que você durma tranqüilo e com a consciência limpa, afinal, você não tem absolutamente nada haver com relação a isso, não é?

Milca Freitas

monique daniel bbb 12 e agora josé blog não pense big brother brasil


Artigo sobre o BBB

Luís Fernando Veríssimo BBB big brother brasil crítica

Que me perdoem os ávidos telespectadores do Big Brother Brasil (BBB), produzido e organizado pela nossa distinta Rede Globo, mas conseguimos chegar ao fundo do poço. […] Chega a ser difícil encontrar as palavras adequadas para qualificar tamanho atentado à nossa modesta inteligência.

[…] Pergunto-me, por exemplo, como um jornalista, documentarista e escritor como Pedro Bial que, faça-se justiça, cobriu a Queda do Muro de Berlim, se submete a ser apresentador de um programa desse nível. Em um e-mail que recebi há pouco tempo, Bial escreve maravilhosamente bem sobre a perda do humorista Bussunda referindo-se à pena de se morrer tão cedo. Eu gostaria de perguntar se ele não pensa que esse programa é a morte da cultura, de valores e princípios, da moral, da ética e da dignidade.

Outro dia, durante o intervalo de uma programação da Globo, um outro repórter acéfalo do BBB disse que, para ganhar o prêmio de um milhão e meio de reais, um Big Brother tem um caminho árduo pela frente, chamando-os de heróis. Caminho árduo? Heróis? São esses nossos exemplos de heróis?
Caminho árduo para mim é aquele percorrido por milhões de brasileiros, profissionais da saúde, professores da rede pública (aliás, todos os professores) , carteiros, lixeiros e tantos outros trabalhadores incansáveis que, diariamente, passam horas exercendo suas funções com dedicação, competência e amor e quase sempre são mal remunerados.

Heróis são milhares de brasileiros que sequer tem um prato de comida por dia e um colchão decente para dormir, e conseguem sobreviver a isso todo santo dia.
Heróis são crianças e adultos que lutam contra doenças complicadíssimas porque não tiveram chance de ter uma vida mais saudável e digna.
Heróis são inúmeras pessoas, entidades sociais e beneficentes, ONGs, voluntários, igrejas e hospitais que se dedicam ao cuidado de carentes, doentes e necessitados (vamos lembrar de nossa eterna heroína Zilda Arns).
Heróis são aqueles que, apesar de ganharem um salário mínimo, pagam suas contas, restando apenas dezesseis reais para alimentação, como mostrado em outra reportagem apresentada meses atrás pela própria Rede Globo.

O Big Brother Brasil não é um programa cultural, nem educativo, não acrescenta informações e conhecimentos intelectuais aos telespectadores, nem aos participantes, e não há qualquer outro estímulo como, por exemplo, o incentivo ao esporte, à música, à criatividade ou ao ensino de conceitos como valor, ética, trabalho e moral. São apenas pessoas que se prestam a comer, beber, tomar sol, fofocar, dormir e agir estupidamente para que, ao final do programa, o “escolhido” receba um milhão e meio de reais. E ai vem algum psicólogo de vanguarda e me diz que o BBB ajuda a “entender o comportamento humano”. Ah, tenha dó!!!

Veja o que está por de tra$$$ do BBB: José Neumani da Rádio Jovem Pan, fez um cálculo de que se vinte e nove milhões de pessoas ligarem a cada paredão, com o custo da ligação a trinta centavos, a Rede Globo e a Telefônica arrecadam oito milhões e setecentos mil reais. Eu vou repetir: oito milhões e setecentos mil reais a cada paredão.
Já imaginaram quanto poderia ser feito com essa quantia se fosse dedicada a programas de inclusão social, moradia, alimentação, ensino e saúde de muitos brasileiros? (Poderia ser feito mais de 520 casas populares; ou comprar mais de 5.000 computadores). Essas palavras não são de revolta ou protesto, mas de vergonha e indignação, por ver tamanha aberração ter milhões de telespectadores.

Em vez de assistir ao BBB, que tal ler um livro, um poema de Mário Quintana ou de Neruda ou qualquer outra coisa…, ir ao cinema…, estudar… , ouvir boa música…, cuidar das flores e jardins… , telefonar para um amigo… , visitar os avós… , pescar…, brincar com as crianças… , namorar… ou simplesmente dormir. Assistir ao BBB é ajudar a Globo a ganhar rios de dinheiro e destruir o que ainda resta dos valores sobre os quais foi construído nossa sociedade.

Luís Fernando Veríssimo


A Internet pode ficar coxa

sopa stop the internet piracy blog não pense

A meu ver, a censura sempre fui usada de alguma maneira ao longo dos séculos, desde quando começamos datar a história do homem nesse mundo. Foce com a força física ou não, ela sempre esteve lá, defendendo interesse de poucos.

Não vou dizer que sou ingênuo a ponto de acreditar que a internet é livre de censura, mas acredito que se existe algo que esteve mais perto de uma liberdade e contribuição plena, em escalda mundial, é ela. Pelo menos por enquanto.

Está transitando nos senado americano dois projetos de lei que acabarão com a nossa liberdade de surfar na internet como bem queremos, as chamadas Stop Online Piracy Act e Protect IP Act.

Apelidados de SOPA e PIPA, os projetos permitirão que empresas que encontrarem sites que estejam violando seus direitos autorais possam simplesmente suspende-lo, sem conversa, sem negociação, nada! Não importa se for um link errado, ou um comentário de algum usuário com link que inflinga os direitos, o site sairá do ar sem sequer precisar de uma ordem judicial.

sopa stop the internet piracy blog não pense google censured

Ou seja, todos os servidores terão que ficar de olho em qualquer movimento na internet, seja uma busca no google, algum comentário nas Redes Sociais, Fóruns, todos os cantos dessa imensidão on-line serão varridos a procura de materiais que inflijam qualquer lei autoral!

O nome para isso? Censura! Para vocês terem uma idéia, os métodos descritos nos projetos são os mesmos utilizados em países como China e Irã.

Talvez você esteja pensando “Mas é nos USA, o que eu tenho a ver com isso?” – Os Estados Unidos possuem grande parte dos serviços que usamos (Servidores, sistemas de buscas, emails, redes sociais, upload de arquivos em nuvens) então seremos atingidos de qualquer maneira.
Ainda penso que isso vai abrir oportunidade de outros países criarem leis parecidas, afinal, se em um país como os USA que possuem uma população muito mais participante no governo está ocorrendo algo assim, imagina aqui no Brasil que os políticos deitam e rolam?

Não… Não…. Temos que fazer o que está em nossas mãos para que essas leis nunca sejam aprovadas!

Os dois mais poderosos da internet, Facebook e Google já expressaram serem contra esses projetos e disseram quer irão fechar seus serviços por algum tempo caso sejam realmente aprovados. Já pensou ficar sem poder pesquisar algo no Google? Muita gente vai pirar, inclusive eu! Twitter, Ebay, Amazon, Mozilla e a Wikipedia também seguiram o mesmo caminho.

Os serviços não desapareceriam, mas teriam que ser amplamente vigiados, até nós teríamos que pensar duas vezes antes de compartilhar qualquer coisa, pois mesmo que o erro fosse mínimo, já seria o suficiente para qualquer empresa nos processar.

sopa stop the internet piracy blog não pense que aponha

Nos dias de hoje que todo mundo quer compartilhar informações, momentos felizes, imagens, videos….. essa lei vai de encontro a tudo isso! Nos fará retornar aos tempos de internet discada praticamente!

O pior de tudo é que pelo o que eu li,  os responsáveis por votarem nessas leis mal usam a internet, não conseguem entender qual será a real influencia do SOPA e IPA e estão sendo levados apenas pela opinião das empresas que se beneficiaram com elas (basicamente produtoras de filmes, música e jogos). Em discussões públicas, os políticos não conseguiram esclarecer exatamente o que são essas leis e por que são necessárias.

Tudo será decidido no dia 24 de janeiro então temos poucos dias para levantar a nossa voz! Assine a petição on-line e divulgue esse texto para o maior número de pessoas possíveis! Precisamos chegar a um milhão e meio de assinaturas, boa-sorte a todos nós!

sopa stop the internet piracy blog não pense que aponha

Segue um vídeo traduzido que esclarece muito mais sobre o IPA:

Agora sobre o PIPA:


So long, my friend

frindship animals kitty kat amizade gatos black orange preto laranja so long my friend blog não pense

Despedidas sempre tiveram um grande poder de influência no meu humor.
Ainda tenho na memória os dias que levava minha mãe na rodoviária por conta do trabalho, esperava ela subir no onibus e a observava partindo. Em quase todas ocasiões me perguntava se haveria uma melhor maneira de se despedir, pois me parecia que sempre ficava algo por dizer.

Eu não sou de chorar, mas despedidas me comovem e hoje eu me despedi de um amigo que vai mudar de cidade. Fechamos um ciclo para começarmos outro.
Sei que faltará algo nos meus dias afinal a distância impossibilita aquelas visitas rápidas e as conversas semanais jogadas foras numa mesa de bar.

Mas eu sei que a vida tem dessas coisas. O tempo passa, a gente cresce e os desafios ficam mais complicados e em certos casos, mais distantes.
Agora é olhar para frente e ver o que o futuro nos trará.

Lhe desejo o melhor e já faço planos para o dia em que irei visitá-lo.
Bons momentos me vêm a memória e sorrio com a certeza de que você vai levando ao menos um pouco mim.
Porque muito de você está aqui comigo.

Beijo do gordo


HOMEM INDECISO

Olá leitores, hoje na nossa seção “textos colaborativos” postamos um artigo de um blog parceiro, o Garotas Ce Pira.  Um blog com uma proposta diferente e com muito conteúdo, indicamos a todos! Vamos ao texto!
homem indeciso blog não pense ce pira

Nossa! só de falar em homem indeciso já vejo moças fazendo fila para ler o artigo, isso porque existem muitas nessa situação, sendo ENROLADAS é isso aí, como diz o ditado popular”O que não está decidido, decidido está”
Não são raras as histórias de mulheres que passam anos e anos esperando a atitude de um cara que se faz de coitado só para levar uma amizade com “beneficios” e o pior é quando o tal indeciso nem beneficios quer mais e ainda fica enrolando com frases do tipo:

*Eu não quero nada sério agora
*Não estou pronto
*tenho medo de me apaixonar
*Não se pode fazer as coisas por impulso é preciso pensar (kkkkkkkkkkk como dizia outro ditado, quem casa não pensa meu filho)

Queridas vou dizer uma coisa, não é minha mas com certeza vale para todas nós que já passamos por isso
Puts! Vai buscar seu orgulho ferido de mulher lá no subsolo do inferno!!! Não! tem dó dos meus ‘miolos’ e para de se prestar a esse papel, antes que você chegue a ver essa tal criatua maltratada pelo destino com outra e ainda dizendo para você: _ eu não queria mas, aconteceu.

Escutem… homem quando quer ele vai atrás, se ele ainda está naquela de não sei se peido ou não peido é por que com certeza você não dispertou nele aquela paixão que faz ele perder a pose de galinha e querer ser homem de verdade. Agora inventaram também o tal namorido, coisa de mulher que quer dar e casar mas como o cara não quer casar ela inventa um meio termo para se sentir mais importante dizem que é mistura de namorado com marido cepira? no meu tempo não existia isso não! E enquanto você fica aí fazendo tudo do jeito que ele quer, sendo o macho da situação chega uma mulhersinha pega esse cara e transforma ele no homem que ele nunca foi para você. Acorda!!!

Não seja chorona, não deixe que sua vida passe e você perca a oportunidade de evoluir, você merece ser desejada assim como todas e se ele não toma uma atitude isso já diz tudo, então você tome a atitude que precisa, saia correndo três dias e três noites sem parar até estar bem segura longe desse cara.
Aprenda que perguntas simples merecem respostas simples Por exemplo “quer namorar comigo” não precisa de muita conversa, basta um “sim”. E tem mais, porque um “o que você espera de nosso love?”, não pode receber um “sei lá…”

Senão, gatinha, o tempo passa… e em vez de gatinha você será uma mulher amargurada do lado de um cara estranho que mija no pé. traduzindo Homem indeciso não é homem para você!

Maysa Santos


Detalhes

detalhes blog não pense olhos verdes borboleta jarro texto

Sempre admirei aqueles que conseguem me conquistar pelos detalhes.
Seja um caso amoroso ou uma nova amizade.

A cada piscada de olhos uma surpresa, um carinho diferente, uma boa lembrança para guardar na memória…

Ai você chega assim como quem não quer nada, inofensiva, e vai conquistando aos poucos um espaço nesse coração cheio de remendos.

Deus está nos detalhes.
Você está nos detalhes.
E eu? Eu sou todo sorrisos.

Beijo do gordo


2011 foi um ano bom

the big bang theory amigos friends carro foto 2011 foi um ano bom blog não pense

Tenho aquele hábito de todo fim de ano escrever uma lista de objetivos a se alcançar para o próximo, dos desejos mais simples aos quase utópicos. Ainda não defini os objetivos de 2012, mas ao reler os de 2011 fiquei muito feliz em perceber que alcancei quase todos, com muito sangue e suor. Confirmei o que já sentia no meu íntimo, 2011 foi um ano excelente, daqueles para levar na memória.

Fiz novas amizades e fortaleci as antigas. Senti da maneira mais maluca e sublime o que esse amor fraternal pode nos causar e o jeito bom que ele influencia a vida. Conheci o amor de diferentes formas, em diferentes intensidades e sou grato por isso.

Descobri mentiras e traições daqueles que se diziam amigos e aceitei que de fato não eram, nem chegavam perto. Aquela máxima da maça podre nunca foi tão verdadeira, mas a recíproca também existe. A vida fica mais leve quando você se livra de pessoas ruins.

Vi 7 ministros caírem e me pergunto se isso indica que a política do país está caminhando para algo mais transparente ou se só mostra que os nossos “governantes” estão cada vez mais caras de pau, roubando até o que não tem.

2011 foi um ano bom blog não pense capa veja corrupção  Edição de 26 de outubro de 2011

Edição de 26 de outubro de 2011

Vi países derrubarem seus ditadores e lutarem por algo que acreditavam. Alguns conseguiram, outros continuam na luta, mas ao menos demonstraram sua força. Nós Brasileiros precisávamos aprender com isso, pois eu acredito que temos potencial para sermos o que quisermos! Sermos OS MELHORES. Mas o governo e outros agentes controladores não querem que saibamos disso e vão fazer de tudo para que essa situação não mude. Questiono-me: O que faremos em 2012 sobre isso? Continuaremos a olhar para o outro lado e fingir que está tudo bem?

Por um golpe de sorte somado com muito suor conquistei uma grana, conheci novos lugares, bares e restaurantes. Comprei mais do que precisava e não vou mentir dizendo que isso não é bom, mas, só me senti realmente completo, com aquelas coisas simples da vida que temos de graça.

Busquei algo desconhecido sem saber ao certo o que era. Aprendi que nem sempre o que queremos é realmente o que precisamos, mas isso não quer dizer que saí perdendo. Colhi ensinamentos de uma vida, mudei meus pensamentos e minhas atitudes mais do que certas pessoas conseguem em toda a existência.

Senti ódio. Senti solidão. Senti abandono. Me perdi, corri atrás de mim e depois fugi. Mas sempre tive pessoas que não me deixavam desistir, que me carregaram nas costas quando foi necessário. Precisei passar pelos momentos mais sublimes e outros mais desesperadores para aprender a olhar um pouco mais à frente.

Fiz algumas boas bobagens (existe isso?). Acordei em camas desconhecidas. Tive noites totalmente deletadas pelo meu cérebro (com ajuda do álcool) e corri riscos desnecessários. Mas saí vivo de tudo. Talvez por sorte, talvez por ter amigos que cuidem de mim, talvez por que o santo que minha mãe reza seja forte e em alguns casos por que no fundo eu sou bonzinho (apesar de às vezes odiar isso).

faça coisas erradas para aprender 2011 foi um ano bom blog Não Pense

Fui amado e me perderam; Amei mas também não foi suficiente e a perdi. Conheci algo que nunca tinha sentido antes, amei muito alguém e sofri por isso. E por mais que a dor às vezes fosse insuportável, algo em mim sorria, pois eu sabia que era um jeito de nos conectarmos. Sou feliz por saber que também sou capaz de amar incondicionalmente.

Conheci muita gente. Ouvi histórias. Participei de algumas vidas e fui retirado à força de outras. Aprendi que algumas pessoas vão se aproximar de você por puro interesse e quando ele acabar, você não terá mais utilidade e será descartado (o mundo está cheio de gente que te ama com data de validade). Mas também percebi que tem outras que fazem questão de continuar na sua vida mesmo quando você não faz nada de mais para merecer. Disso tudo, aprendi a seguinte lição: As pessoas não são substituíveis.

Finalmente aceitei que não adianta ficar insistindo em certas pessoas. Quem te quer por perto vai reservar um espaço especialmente para você. Não é preciso ficar lutando o tempo todo por isso. Tem gente que não vai querer, simples assim, supere e siga em frente. A vida é muito curta para gastar com gente que só te faz duvidar de si mesmo.

Eu quis o mundo (ainda quero). Fui atrás de conhecimento apenas para descobrir que não sei nada e que o caminho é longo. Percebi que alimentar a mente é tão necessário quanto alimentar o corpo e a falta disso nos consome, abre a cabeça para pensamentos ruins.

Vi conhecidos casando, tendo filhos, seguindo com o ciclo natural da vida. Vi crianças ensinando velhos, vi formigas derrubando leões. Caí mais vezes que gostaria mas sempre tive uma mão para me ajudar a levantar, mãos que eu sabia que podia contar e outras que eu nunca imaginaria receber apoio.

Fiz 25 anos sem dramas, sem preocupações. Hoje sei escolher minhas batalhas e aceitar um pouco melhor minhas derrotas. Aprendi que desistir ou adiar um sonho é muito mais válido do que passar o tempo todo lamentando por não o ter realizado.

Saio desse ano de peito aberto, desejando ter a força necessária para enfrentar o que vier para mim em 2012 (de repente até o fim do mundo rs). Posso até desistir se achar necessário, mas não vou parar. Por que esse ano eu aprendi de mais sobre mim e sobre a vida. Esse ano eu me encontrei.

Um beijo e um abraço do gordo, Feliz Ano Novo!

“Queira!
Basta ser sincero
E desejar profundo
Você será capaz de sacudir o mundo,
Vai! Tente outra vez!”


Ainda chove

Olha, eu não posso reclamar da vida (e nem vou). Tenho saúde, uma boa família, amigos que posso contar e um bom emprego que incentiva minha criatividade e paga minhas contas.

A situação definitivamente não está ruim mas ultimamente ando um pouco desmotivado, sem muitas expectativas.  Talvez seja pelo fim do ano, não sei…

Estou na fase de não acreditar em muita coisa, na verdade em acreditar em absolutamente nada. Apenas sigo em frente, sem saber ao certo por onde devo ir, como a chuva que cai do céu e corre pelo mundo, sem caminho definido. Longe de mim ser do clube Zeca Pagodinho – “Deixa a vida me levar, vida leva eu”, só estou um pouco cansado de tudo. Cansado de velhas situações que não se definem ou modificam.  Esse “mais do mesmo” me consome.

Olho ao redor do quarto:

Sem família.
Sem amigos.
Bichos de estimação estão escondidos pela casa.
Inteiramente só.

Gosto quando a mente fica assim calma, sem milhões de pensamentos vindo ao mesmo tempo, sem recordações, sem carências, apenas o suficiente para refletir como as coisas estão e reconhecer o que incomoda.

Eu já esqueci,  já perdoei, já perdi perdão. Desejo do fundo do coração a felicidade de todos, amigos e inimigos, longe ou perto de mim. Então por que essa necessidade de me perder, fugir e viver a história de outro alguém ainda insiste em me visitar? Será aquela velha história da “eterna insatisfação”?

Mas tudo bem…. O que eu quero nesse momento ainda não existe, mas um segundo depois tudo pode mudar.  Sei que no final a chuva passa, os ventos se acalmam e os primeiros raios de sol aparecem.

Uma hora eu abro a janela e deixo o dia entrar.

“Às vezes estou por cima, às vezes estou por baixo.
Mas estou sempre por alguma coisa.
Por alguém. Por aí.”

Beijo do gordo